ESPORTES

Bahia revela que remédio para otite afastou Rodallega de jogos contra CAP e Corinthians



Após muito mistério, o Bahia enfim se manifestou sobre o afastamento do centroavante Hugo Rodallega dos jogos contra Corinthians e Athletico Paranaense, pelo Campeonato Brasileiro. De acordo com nota publicada nesta quarta-feira (13), a retirada do atleta se deu por conta do uso de um remédio para otite, que poderia resultar em um exame antidoping positivo.

 

Anteriormente, a situação vinha sendo tratada por muito cuidado pelo Esquadrão de Aço. No último sábado (9), pouco antes do jogo contra o Athletico na Arena da Baixada, a comunicação do clube afirmou que o quadro do atleta não seria detalhado "a pedido do atleta".

 

Já o presidente Guilherme Bellintani afirmou na última quinta-feira (7) que o caso passou por uma situação íntima e ocorreu fora do clube.

 

Ele foi vetado pelo departamento médico e fará um novo exame hoje. A nossa comunicação é absolutamente verdadeira. No Bahia, tudo vira polêmica. Vi gente dizendo que ele tinha se negado a jogar por não ter recebido as imagens. A nossa divulgação é a divulgação verdadeira e possível neste momento. Veto por uma circunstância de fora do clube, em que ele foi afetado. Estamos protegendo a intimidade do jogador. Assim que for possível, vamos anunciar. Não é um problema grave, mas, por privacidade do atleta, vamos preservar. Foi um fato ocorrido fora do clube que gerou problema médico nele. Não é grave. Em breve, estará resolvido e divulgado. Mas o que divulgamos é verdadeiro

, declarou o gestor.

 

Já recuperado, Rodallega entrou em campo na última terça-feira (12) na partida contra o Palmeiras, na Arena Fonte Nova. O camisa 23 já marcou cinco gols com a camisa tricolor no Brasileirão.


Fale conosco pelo WhatsApp




COMENTÁRIOS







VEJA TAMBÉM



ESPORTES  |   22/10/2021 17h30





ESPORTES  |   22/10/2021 16h45